As Figuras 1 e 2, abaixo, indicam a quantidade de precipitação acumulada e a anomalia de precipitação para o período de 03 a 09 de outubro. As regiões sudeste e centro-oeste registraram chuva, principalmente, entre o dias 06 e 09 de outubro, mas a quantidade total de precipitação acumulada foi menor (regiões em marrom na Figura 1) que o esperado para o período.

Figura 1 | Precipitação total de 03/Out a 09/Out.
Fonte: https://www.cpc.ncep.noaa.gov/

Figura 2 | Anomalia de precipitação de 03/Out a 09/Out.
Fonte: https://www.cpc.ncep.noaa.gov/

O mês de setembro terminou com precipitação localmente intensa no sudeste brasileiro, impactando positivamente o subsistema SE/CO, com picos significativos de Energia Natural Afluente (ENA) em importantes bacias. Entretanto, nas primeiras duas semanas de outubro, o cenário ficou predominantemente entre queda e manutenção de ENA para o subsistema SE/CO.

Destaca-se uma tendência de aumento de ENA na bacia do Tocantins, o que não ocorria pelo menos desde agosto.

O Gráfico 1 indica o comportamento de ENA Bruta (%MLT) no período de 01 a 08 de outubro, para as bacias do Grande, Paraíba do Sul, Paranaíba, Paranapanema, Tietê e Tocantins.

Gráfico 1 | ENA Bruta (%MLT) de 01/Out a 08/Out.
Fonte: http://www.ons.org.br/