Como mitigar os riscos no Mercado Livre de Energia

várias folhas de papel com várias operações sendo feitas


A princípio, o Mercado Livre de Energia é um ambiente de contratação livre de energia onde contratos bilaterais são livremente negociados entre consumidor e fornecedor. Portanto, é dotado de grande previsibilidade, por isso, trás poucos riscos aos consumidores livres e que podem ser facilmente mitigados por uma gestão ativa.

Minha empresa corre o risco de ficar sem energia no Mercado Livre?

NÃO! O abastecimento de energia no mercado livre é feito da mesma forma que no mercado cativo, portanto, o risco de um desabastecimento é o mesmo em ambos ambientes de contratação. A fim de evitar sobrecarga, desligamentos involuntários e apagões, como o ocorrido em 2001, os órgãos reguladores ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) e ONS (Operador Nacional do Sistema) dotaram o sistema elétrico nacional de mecanismos.

Flexibilidades no consumo elétrico

Sazonalização

A sazonalização é um mecanismo de proteção que pode ser previsto contratualmente no Ambiente de Contratação Livre, de forma a alocar montantes de energia diferentes em determinados meses do ano, conforme o consumo energético tem maior ou menor necessidade . Por exemplo, historicamente sua empresa produz mais nos meses de Outubro, Novembro e Dezembro e, consequentemente, tem um aumento no consumo de energia. Em contrapartida, no início do ano (Janeiro, Fevereiro e Março) a produção fica abaixo da média e, com isso, há uma diminuição no uso de energia. A sazonalização é uma maneira de proteger seu contrato de acordo com tal variação histórica ao longo do ano.

Flexibilidade

Ainda assim, Mesmo sazonalizando seu contrato de energia, sua empresa pode consumir um volume além ou até mesmo aquém do montante alocado para aquele mês. Para mitigar esse risco, os contratos podem ser dotados de uma Flexibilidade. Trata-se de uma proteção adicional acordada entre as partes (Comercializadora e Consumidor) de forma a permitir uma tolerância para cima ou para baixo em que seu consumo possa ficar e que ainda fique dentro do contrato firmado.

Consumi um montante de energia a mais ou a menos do estipulado. O que fazer?

Ainda que se mesmo com essas ferramentas elencadas acima sua empresa consumiu mais ou menos energia do volume estipulado para aquele mês, não se desespere! Esse montante faltante ou em sobra será negociado no Mercado de Curto Prazo (MCP). O MCP permite que você compre a energia que sua empresa consumiu a mais ou “venda” essa energia que você eventualmente deixe de consumir em determinado mês. Essa operação é feita logo nos primeiros dias do mês subsequente ao consumo, sendo o montante valorado ao valor do PLD (Preço de Liquidação das diferenças) do mês de referência + Spread (valor pago pelas comercializadoras que pode variar a cada hora do dia).

Conclusão

Definitivamente o Mercado Livre de Energia é um ambiente perfeitamente seguro para os negócios. Por isso, é fundamental que ao entrar neste ambiente de contratação, sua empresa faça, além do contrato de comercialização, um contrato de gestão da sua energia. Uma gestão ativa trará tranquilidade ao empresário e muitos benefícios ao seu negócio.

Entre em contato conosco e faça parte do Mercado Livre de Energia com a Witzler



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.